quinta-feira, março 19, 2009

saber/sabor por dentro...

A Alguém que se deixa desafiar para fazer caminho

"caminho sem saber:
quem sou?
a quem me dou?
onde estou?..."

grito comum este dos "sem-esperança"
para quem a vida se fita com um olhar triste,
a quem os dias não são mais do que o eterno penar,
para quem os gestos são uma paleta de mil cores da mesma cor.
e assim se abafa a esperança do sempre novo,
da eterna e insaciável ousadia de mudança,
da alegria que habita cada gesto simples,
forte, amigo, próximo...
é assim que num abraço terno e demorado te digo:
caminha como és,
sabendo que podes ser melhor.
dá-te mais, e sempre,
no silêncio de um coração acolhedor
pois estás aqui...bem perto de nós,
dos que te amam e te trazem no coração.
é assim que gostamos de Ti,
é assim que te acolhemos,
é assim que te desafiamos a fazer caminho...
...mesmo que demorado, será sempre um trilho de felicidade,
deixa que a Vida se enraize em ti
e "saboreia todas as coisas internamente"

1 comentário:

*karen disse...

Olá Padre amigo :)

bem vistas as circunstâncias, uma ajudinha era plenamente bem recebida
^^
espero-o (muito obrigada)
[karendudu@hotmail.com]

um Abraço