terça-feira, julho 18, 2006

Deus é Ternura!...


Tenho encontrado muita gente que de Deus tem uma imagem aterradora.
vem isto a propósito de uma conversa que tive ontem com uma pessoa amiga ao telefone e que repetia à saciedade "não sei que mal fiz eu a Deus para merecer isto...".
A conversa lá se desenrolou, e depois de algumas lágrimas partilhadas, veio a serenidade.
A certa altura partilhei a minha experiência de fé e de vida, que essa pessoa bem conhece, e disse-lhe que vou descobrindo cada vez mais que "Deus é ternura" mesmo que esteja no meio de uma tempestade (e recordámos algumas já passadas! e bem dolorosas...).
Percebi que do outro lado a pessoa tinha estremecido... ficou algum tempo em silêncio...a conversa lá continuou mais uns minutos e essa pessoa termina o telefonema a dizer-me: "sabes, tenho cada vez mais a certeza que Deus é bom! obrigado por me recordares isso e por teres semeado no meu coração uma vez mais a esperança". Fiquei em silêncio depois de desligar o telemovel.
Dei por mim a pensar mais tarde, enquanto rezava, que alguns olham ainda hoje para Deus como de um juiz se tratasse, sempre pronto a castigar cada passo mal andado, cada palavra maldita(é de propósito o "erro"), cada gesto,...(quantos de nós não aprendemos isto em pequenos, quantas vezes não nos disseram que a trovoada era Deus a ralhar!!!!)
Outros há que olham para Deus como um bombeiro que deve estar sempre pronto para apagar as suas aflições.
Há também o grupo dos negociadores/accionistas, que quase lançaram uma OPA a Deus, e que lhe dão algo em troca se Ele lhes fizer o que desejam (e que às vezes outra coisa não se não o de confirmar o seu egoismo, a sua injustiça,...).
Há também quem olhe para Deus como um alvo a abater!
dizem que ele tira liberdade ao homem, e alguns chegam até a afirmar que ele tira aos crentes a capacidade e a liberdade de pensar, sentir, falar, amar...
Depois de me ter vindo à memória tudo isto enquanto rezava por aquela pessoa e pelo drama que estava a viver (alguns dirão que isto não é oração!!! e o que é rezar afinal? será o despejar palavras ocas ou será partilhar os dramas e os sonhos com a convicção de que eles são também os dramas e os sonhos de Deus?) sentia que no dia em que cada um de nós descobrir que Deus é ternura então a nossa vida ganha outro sabor, outra alegria, outra determinação. E isto faz-se na intimidade, na proximidade com Deus, na oração, na vida de todos os dias...
Quem descobre que a Ternura de Deus habita o coração dos homens e mulheres, descobre naturalmente uma nova esperança, uma razão para ser e para viver...descobre afinal que Deus não é contra o Amor mas é Amor. Descobre que todos e cada um de nós estamos no coração de Deus, mesmo os que duvidam!

7 comentários:

nahar disse...

O Deus terrivel e castigador passou- O nosso Deus é um Deus proximo que se fe presente no nosso meio e viveu a condiçao humana para estar mais proximode nós e nos salvar.
É um Deus que é amor, um amor que ama e se entrega, um amor activo que impele cada um e cada uma a se transformar e deixar-se inebriar por esta novidade de Deus presente em nós.

Obrigado pla visita, tomei a livberdade de adicinar o teu blog no meu. Sim proximo passo Seminário Maior do Porto... Netse meu caminho reza por mim.
Percebi que és da diocese de Leiria, eu vou estar para a proxima semana no Encontro de Liturgia em Fátima.

Abraço em Cristo

Anónimo disse...

"Deus é amor", é certo, é deveras a única certeza k temos... o mais dificil é termos isto sempre presente na nossa cabeça dura...
o consolo mais certo k temos é o do seu perdão...mas tantas vezes penso e faço aquilo k nunca faria s tivesse bem clarinha na minha mente e no meu coração k ele m ama sempre... a Deus que é Eternamaente Constante peço o dom da constância na alegria, principalmente nos momentos mais dificeis ou de maior tédio...
rezo por si e consigo, na companhia do caminho e no apoio dado a cada paço...
abraços
Tiago

Fora-da-lei disse...

Gostei deste seu post.É verdade Deus é ternura,basta estarmos atentos para alcançar e sentir essa ternura.
A imagem de um Deus terrível foi-me projectada na infância,e levei muitos anos a tentar retirar essa imagem cruel,trazendo algumas sequelas que felizmente ultrapassei.Mas a Igreja teve culpa nesse aspecto.
Abraço e força no Pai que nos ama infinitamente.

Ver para crer disse...

L. M.:
Obrigado por me visitares e deixares belas palavras no meu post.
Oxalá consigamos levar a ternura de Deus até aos homens de hoje que tanto carecem de saber que são amados.

Lai disse...

Olá coração de Deus!!

Gostei muito do teu blog...

A palavra de Deus é o melhor sitio para ficarmos a conhecer melhor este Deus de Amor...
No entanto ao partilharmos as nossas experiências com Este Deus terno e amoroso, estamos tb a reforçar a nossa fé, a motivar-nos uns aos outros e a icentivar-nos a continuar a viver a vida como se Cristo voltasse "daqui a cinco minutos" para buscar a Sua Igreja...
Glorias ao Deus do Amor
Glorias ao Deus da justiça
Glorias ao Deus do Perdão

DTA
Lai

mouse disse...

O "nosso" Deus é um juiz, k decide entre dar-nos o melhor e o melhor.
Ao longo do tempo cada vez me convenço mais, k Ele só ker, e só nos dá o melhor mesmo k por vezes nao nos pareça isso.
Quem somos nós para condenar Aquele que nos criou?
Se calhar o mal é nosso, pois somos comodistas e queremos tudo como mais nos interessa e isso talvez nao seja o melhor para nós. Depois como nao é como queremos, para quem vai a culpa? Pois tá claro para Ele.
É preciso acreditar e deixar ir este nosso corpo na loucura que é viver de mao dada com aquele que nos dá a vida...
Deixa-te ir, correr, saltar, por aí de mao dada com Aquele que é Pai, Irmao, Amigo, que é um pouco de ti e tu d'Ele...
Confia e sê forte....

Anónimo disse...

intiresno muito, obrigado